Blog Moda da Gente: 2 Formas de identificar a crise de meia idade -->

15 de julho de 2016

2 Formas de identificar a crise de meia idade

Olá meninas, hoje vim trazer um assunto que é assustador e totalmente normal ao mesmo tempo, a famosa 'crise da meia idade'. Em praticamente todos os lugares que olhamos vemos apenas pessoas jovens. É assim na grande maioria das propagandas, dos filmes e até mesmo nos programas de televisão.
Com uma predominância do que é jovial na mídia, a medida em que vamos envelhecendo passamos a perceber que não mais fazemos parte desse “grupo especial” retratado sempre para a sociedade como o “centro” da vida.

A indústria da beleza, passam a praticamente esquecer todas nós mulheres que já não fazemos mais parte desse grupo mas que ainda continuamos bonitas e com tudo “em dia”.
Além de todas essas questões sociais ainda passamos a enfrentar quando chegamos nos famosos quarenta anos uma profunda crise existencial, e passamos a pensar em toda a nossa vida o que fizemos e o que nós vamos fazer. Esse pensamento é um dos que ajudam a identificar a crise de meia idade.
Caso tenha alguma duvidas se você passa por esse quadro ( ou se você conhece alguém e suspeita que essa pessoa esteja passando por isso ), continue lendo e descubra 2 formas de identificar a crise da meia idade!

  1. Desejo de voltar no tempo


Uma das maiores formas de identificar a crise da meia idade é perceber que boa parte das pessoas que enfrentam esse momento sentem vontade de “voltar atrás” na vida.
Esse sentimento está altamente relacionado a todas as experiências que a pessoa perdeu na juventude, e que faz efetivamente ela querer reviver ( ou realmente ter pela primeira vez ) toda essas experiências e a antiga sensação do que é ser jovem.
Esse “sintoma” é um dos mais comuns para identificar a crise de meia idade.
É importante que a pessoa em meio a toda essa crise existencial perceba que ela ainda pode ter uma longa lista de experiências incríveis que ainda vão fazer ela se sentir muito viva e até mesmo “jovem” de novo.
Essa é uma das maiores representações feitas de maneira equivocada pela grande indústria da beleza e/ou da mídia no geral.
Todas as pessoas são capazes de ter as experiências que elas querem.

  1. A busca por itens ou comportamentos mais joviais


Uma segunda maneira de identificar a crise de meia idade é observar e identificar hábitos que são notoriamente mais joviais.
Algumas pessoas quando entram nessa crise costumam usar coisas que efetivamente não combinam com a sua faixa etária. É muito comum para os homens eles viverem ainda usando um boné para trás.
No caso de nós mulheres, é muito comum a procura por piercings ou outros materiais que remetam a uma fase bem mais jovem.
Meninas convenhamos, por mais que o sentimento nostálgico esteja lá não faz o menor sentido começar a utilizar roupas ou acessórios de uma época mais jovem.
Embora seja psicologicamente fácil de entender e aceitar, nós precisamos buscar uma adequação social a medida que a nossa vida passa.

O que fazer ao identificar a crise de meia idade?

Bom primeiramente você precisa se aceitar do jeito que você é. E sim, felizmente a vida passa para todas nós.
Nós temos que viver intensamente cada faze da vida e aproveitar cada momento, afinal é assim que tudo funciona.
Identificar a crise de meia idade pode demonstrar que você ainda está apegada a muitas coisas do passado, principalmente experiências, mas isso não quer dizer que a sua vida acabou.

Por fim, é importante dizer que a crise de meia idade faz parte dos transtornos que tem cura e na verdade é mais simples do que parece. Tudo que você precisa fazer é se aceitar e ser feliz.

Espero que tenham gostado meninas! Comentem o que pensam sobre esse assunto ;)


Colaboração: Elizabeth Jhonson


COMENTE PELO BLOG!

Nenhum comentário:

Postar um comentário